Tuesday, September 23, 2008

Minhas mudancas

Depois de quase quatro meses resolvi voltar e contar o rumo q deu o meu rematch.
Enfim, uns dois antes de sair da casa eu fui fazer uma entrevista com uma familia q uma amiga tinha me indicado (sendo q a agencia so' tinha me mandado familia bosta, tipo, uma q mora em Ohio. "Porra, Ohio, minha querida?? ja' moro numa roca e ter q me mudar p/uma outra roca, sinceramente, nao da'! va' p/Ohio q o parta, sinceramente", pensei. Depois surgiu outra de Long Island - NY e eu: "opaaaa, sera'??". Engano total. A familia mora em uma ilha com 950 habitantes e voltei a ler de novo, p/ter certeza, ne? 950 habitantes? e depois quem mora mal no Brasil sou eu hahahahaha. Nem pensar! e a host: "vc pode pegar uma lancha com as outras au pairs da ilha" e agora imagina, teria q pegar lancha todas os finais de semana p/night? :D hahahahaha. NO WAAAY!
Voltando... ja' tava desesperada e ai' fui fazer a entrevista com a family: 4 criancas (tres meninas de 10, 9 e 7 e um menino de 3) :O. Ja' me assustei de cara e mais ainda depois q as menininhas ficaram falando mal da ex au pair q ela so' queria saber do menino e lalala mas achei a host muito simpatica e eu tb nao tava mais em condicoes de recusar nd, o q pintasse era lucro.
Viajei e disse a ela q eu ia p/praia com a outra familia e depois ja' voltaria p/casa dela. Afinal, nao poderia contar q eu tava indo p/Las Vegas e California com um monte de brasileiros doidos, ne?
Inventei a maior historia da paroquia e disse q na segunda do feriado de maio (q eu nao lembro mais qual era), assim q chegasse em Charlotte eu ligaria p/ela.
Mas acabei perdendo o voo de Vegas p/ca', o q deveria chegar as 4pm, cheguei meia noite e qnd o voo fez em escala em Atlanta eu dei uma ligada p/ela p/dizer q tava td bem e q eu iria p/casa dela no outro dia.
Ela nao entendeu nd pq eu disse q eu ia p/uma praia em South Carolina e um cara no aeroporto me emprestou o cel dele p/eu ligar e o celular do cara e' de uma town de DC heheheheh. Enfim, ela deve ter sacado q era mentira, claro! mas tb nao me questionou muito.
Cheguei acabada em Charlotte! sai' de Vegas 10 da manha e passei o dia voando de um lado p/o outro. Uo'!
Enfim, fui p/casa da minha amiga e no outro dia ela foi me buscar la' com malas e cuias, literalmente e logo ja' comecei a trabalhar.
Nas primeiras semanas eu dormia e acordava cansada pq, enfim, cheguei la' no inicio do verao/final das aulas, com quatro criancas e quatro criancas q nao param um minuto! e eu pensava:" Meu Deus do ceu, pq eu to passando por td isso? e' p/eu valorizar as coisas q eu tinha em casa e nao dava valor? so' pode". Pensei em desistir muitas vezes, voltar p/casa e entregar os pontos mas ai' eu nao estaria satisfeita comigo mesma. Sempre pensei q nao poderia desistir por pior q fosse, afinal, esperei tanto tempo por isso, gastei grana com um monte de coisas e ai' seis meses depois voltar p/casa com as maos abanando.
Nesse meio tempo a host ficava me perguntando a respeito do meu visto, o q aconteceria e tal e ate' entao eu tava tranquila.
Minha LCC mandou um e-mail perguntando se eu tava bem, onde estava e lalala e ainda ligou no cel da minha amiga fingindo ser uma amiga minha so' p/ter noticias e minha amiga:" olha, nao sei dela, nao... so' sei q ela viajou e depois perdemos contato" hehehehe. Quer fazer malandragem com brasileiro, nao da', ne?
Ai' respondi dizendo q estava bem e tinha achado melhor voltar p/casa e, imediatamente, recebi um e-mail da agencia dizendo q eu teria q notificar a minha saida do pais ou a minha mudanca de status ate' o final daquela semana. Fiquei louca, claro!
Pq o q todo mundo diz e' q as agencias ameacam e q, algumas, cortam mesmo o visto de quem fugiu e outras so' fazem isso p/assustar e eu nao queria ser a bola da vez p/saber se foi cortado ou nao.
Marquei uma consulta com um advogado gente finissima daqui e ele me esclareceu varias coisas e foi bem claro: "ninguem tem acesso a essas informacoes de corte de visto a nao ser a tua propria agencia, nem eu q sou advogado sei quem tem visto cortado ou nao".
Enfim, entao fiz isso, dei entrada na minha mudanca de status p/turista e agora to esperando a resposta do processo.
Fiquei arrasada por ter q fazer isso, chorei horrores! ainda mais pq eu nao queria ter mudado p/turista mas eu nao tinha outra opcao (entenda-se: dinheiro) e ele continuou: "se vc nao tem dinheiro ainda p/mudar p/estudante, entao muda p/turista pq eles (agencia) podem estar blefando contigo mas se nao estiverem e se realmente cortarem o teu visto tu nao vais ter como saber disso e vais ficar ilegal aqui, enfim, a decisao e' tua".
Li historias no orkut de varias meninas q deram a cara p/bater e nao ficaram nem ai' mas eu nao consigo, tenho muitos planos p/ficar querendo desafiar uma agencia e depois ainda me ferrar.
Nos primeiros tres meses (junho, julho e agosto) foram os piores p/mim. Chorava por qualquer coisa, uma saudade absurda de csa e o desespero de pensar:" o q q eu to fazendo da minha vida? p/q q eu to buscando essa doidice toda?".
Meu desespero maior era nao saber qnd eu poderia ir ao Brasil de novo e o advogado:" qnt mais vezes tu mudares o teu status aqui dentro mais dificil vai ser p/tu ires ao teu pais e conseguir o visto la', pq eles nao vao mais acreditar nas tuas palavras". Ai' confundia td, ne? hehehehehe. Enfim, loucura!
Mas ja' tomei varias decisoes e acho q agora to indo no rumo certo.
Ah! minhas novas criancinhas sao uns capeta mas eu os amo e sinto q eles me amam tb e acho q tava precisando disso tb pq um dos meninos q eu cuidava me detestava e eu detestava ele. Era terrivel!
Nao to tendo uma vida facil como antes mas to levando numa boa, eu acho. Afinal, ja' se passaram quase 4 meses q eu to na outra familia e eu to reagindo bem (? really? hehehe) a nao ter mais carro, por enquanto, mas tb agora nao tenho q ficar dando satisfacoes p/nd e ninguem, nem horarios e afins e eu odeeeio dar satisfacao das coisas q eu faco. Minha liberdade nao tem preco, de verdade.
Minha host tem 33 anos (mais nova q a minha irma mais velha) e meu host tem a mesma idade tb. Entao ela nao liga q eu saia horrores, va' p/night... nunca me chamou atencao por isso (ate' pq nao tenho mais idade p/ser chamada atencao) e ja' teve abrir a porta p/mim de manha cedo pq tava com a tranca do lado de dentro. Quase morro de vergonha! hehehe.
Depois conto mais. Beeeeijos!

2 comments:

Fernanda said...

Oi Tay, nossa vc voltou... sempre quis saber q rumo tinha dado seu processo.
So nao entendi da onde essa sua familia te achou, vc eh nanny entao? eles nao ligam de vc trocar seu visto e vc nao poder trabalhar?

vc teve que fazer mta coisa pra trocar seu visto pra turista?
pelo amor de Deus vem contar
hahahah

bjus
boa sorte ai

dressa358 said...

aeeee!!! bom saber noticias suas e de que vc esta bem!!!!!! boa sorte pra ti! beijooo